ASSOCIAÇÃO

Projetos Cofinanciados pela UE
Jan 29

Seminário de Encerramento do Projeto Tradição Competitiva

No próximo dia 30 de Janeiro de 2019, irá decorrer o encerramento do Projeto Tradição Competitiva promovido pela AASE.

Decorrerá na Escola Profissional da Serra da Estrela, em Seia, com início às 14h00, que se estenderá até as 16h00.


Iremos contar com ilustres oradores, abordando temáticas atuais na primeira pessoa de cada orador, acerca das Tendências da Gestão Empresarial, assim como a Importância de uma Boa Estratégia de Marketing no mercado atual.



Enviar por E-mail Versão para impressão
Jan 29

Empreender na Tradição Lusa - CENTRO-02-0651-FEDER-000044

 

Designação do projeto | Empreender na Tradição Lusa

Código do projeto | CENTRO-02-0651-FEDER-000044

Objetivo principal | Reforço da competitividade das pequenas e médias empresas 

Região de intervenção |Centro 

Entidade beneficiária | AASE - Associação de Artesãos da Serra da Estrela

Data de aprovação | 13-07-2016 

Data de início |01-02-2016

Data de conclusão | 30-04-2018

Custo total elegível | 262.116,69€

Apoio financeiro da União Europeia | 222.799,19 €

Objetivos, atividades e resultados |

Com este projeto, pretendemos estimular os jovens empreendedores a apostar na produção de produtos artesanais tradicionais e locais e artesãos da Região Centro de Portugal, através da dinamização de um conjunto de ações que visam promover a integração de competências culturais e criativas no tecido empresarial português. Estas iniciativas propõem-se a reforçar a cooperação e o networking entre os profissionais do setor das artes e ofícios de forma a apoiar o empreendedorismo e potenciar a geração de ideias inovadoras e novas iniciativas empresariais e, ainda, a criação de novas empresas.

Enviar por E-mail Versão para impressão
Jan 29

Tradição Lusa - CENTRO-02-0752-FEDER-000027

 

Designação do projeto | Tradição Lusa

Código do projeto | CENTRO-02-0752-FEDER-000027

Objetivo principal | Reforço da competitividade das pequenas e médias empresas 

Região de intervenção |Centro 

Entidade beneficiária | AASE - Associação de Artesãos da Serra da Estrela

Data de aprovação | 22-06-2016

Data de início | 01-02-2016

Data de conclusão | 30-09-2018

Custo total elegível | 240.567,14€

Apoio financeiro da União Europeia | 204.482,07€

Objetivos, atividades e resultados |

Este projeto tem como principal objetivo fomentar a capacidade exportadora das empresas da Região do Centro de Portugal, contribuindo para o aumento da visibilidade dos produtos artesanais, melhoria no volume de negócios e, ainda, para o reforço da competitividade das empresas nacionais.

Os objetivos específicos desta operação são:

- Apoiar as empresas nos domínios da inovação e da exportação, através da partilha de conhecimentos fundamentais sobre os mercados externos e respetivas condições de acesso;

- Fomentar o crescimento, quer em quantidade quer em valor, das exportações das empresas;

- Fomentar a criação de redes de parcerias;

- Melhoria da visibilidade das empresas regionais;

-Ter uma importância económica relevante para as região Centro e, consequentemente, para a economia Portuguesa.

Enviar por E-mail Versão para impressão
Jan 29

Tradição Competitiva - POCI-02-0853-FEDER-017147

Designação do projeto| Tradição Competitiva 

Código do projeto| POCI-02-0853-FEDER-017147 

Objetivo principal| Reforçar a competitividade das pequenas e médias empresas 

Data de início |01-05-2016 

Data de conclusão |31-01-2019 

Custo total elegível| 1.101.176,47 € 

Apoio financeiro da União Europeia|591.607,06 € 

Síntese do projeto: Objetivos e resultados esperados|

O Projeto tem como principal objetivo reforçar as capacidades de organização e gestão das empresas portuguesas, através da implementação de sistemas de gestão e de um reforço nas competências de TIC e marketing digital, contribuindo para a melhoria das condições imateriais de competitividade e inovação. Assim, este projeto materializa-se num plano de intervenção estruturado e coeso e que visa apoiar 13 empresas.

Objetivos específicos:

- Dotar as empresas com ferramentas que lhes permita atingir melhores níveis de Inovação Organizacional e Gestão

- Capacitação das PME’s ao nível da Economia Digital e Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC)

- Capacitar as empresas para a criação de marcas e design inovador que lhes permitam ser reconhecidas e valorizadas no mercado

- Partilha de conhecimentos, demonstração e disseminação de resultados do projeto

- Ações de acompanhamento, divulgação e avaliação do impacto do projeto

Enviar por E-mail Versão para impressão
Nov 15

Internacionalização do Artesanato Regional

 

logos para workshop

Já no próximo dia 22 de Novembro de 2018 decorrerá o Workshop, com a temática – Internacionalização do Artesanato Regional.

Decorrerá na UBI – Universidade da Beira interior, com início às 14h30, até as 17h00.

A sessão de boas vindas, será presidida pela Profª Helena Alves- UBI.

Iremos abordar a temática atual na primeira pessoa do empresário Sr. Miguel Gigante, sobre a sua experiência na internacionalização dos produtos no Mercado Internacional.

Este decorre no âmbito do Projeto Tradição Competitiva promovido pela AASE

ubi
Enviar por E-mail Versão para impressão
Nov 15

Workshop Internacionalização do Artesanato Regional

 

logos para workshop

 

No próximo dia 21 de Novembro de 2018, irá decorrer no âmbito do Projeto Tradição Competitiva promovido pela AASE, o Workshop, com a temática – Internacionalização do Artesanato Regional.

Decorrerá na Escola Profissional da Serra da Estrela, em Seia, com início às 09h30, que se estenderá até as 17h00, com pausa para o período de almoço.

Iremos contar com ilustres oradores, abordando temáticas atuais na primeira pessoa de cada orador, acerca da experiência na internacionalização dos seus produtos no Mercado Internacional.

1 workshop manha
Enviar por E-mail Versão para impressão
<< Início < Anterior 1 2 Seguinte > Final >> Pág. 1 de 2

A Associação - abrir caminhos para o futuro

A Associação de Artesãos está à disposição dos seus associados no apoio às dúvidas e necessidades.

Mas vai mais além, segue um caminho paralelo de intervenção na construção do futuro, fazendo ouvir a sua voz junto das autoridades e instituiçãos governamentais e tornando-se num poder que faz a diferença na área do artesano.

Toda a actividade baseia-se na filosofia de que pode-se criar riqueza com o trabalho, tirando partido dos recursos locais, rentabilizando esse trabalho com a venda dos produtos não só em mercados locais mas também em mercados mais distantes.

Associação de Artesãos da Serra da Estrela e Região Centro (c) 2010                                             Ideias Soberbas